Pacientes do SUS serão os primeiros voluntários de estudo com ‘pílula do câncer’

Dez pessoas serão as primeiras voluntárias de estudo cujo protocolo foi aprovado

Está quase tudo pronto para que a fosfoetanolamina, suposta “pílula do câncer”, comece a ser testada oficialmente em seres humanos no país. Os protocolos dos testes clínicos já foram aprovados pela Conep (Comissão Nacional de Ética em Pesquisa, órgão federal que regula esse tipo de estudo), e os especialistas agora aguardam que o laboratório do interior paulista responsável pela produção da substância providencie as doses necessárias para os ensaios, contou à Folha o oncologista Paulo Hoff.

 

Veja o texto na íntegra: Folha de S. Paulo